quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Lugares de memória: monumentos e sítios – Monumento à fome

Três colunas de ferro branda ao céu. Os anéis que jazem horizontalmente entre as colunas testemunham as almas ceifadas, num fatídico dia de domingo.  O dia 20 de Fevereiro de 1949, a ilha de Santiago conheceu o mais mortífero assassínio em massa. No contexto em que o povo das ilhas morria de fome, o cataclismo da assistência abafou quaisquer sentimentos espontâneos matizados nas ilhas de Cabo Verde. O desastre da Assistência fez 232 mortos e 47 feridos, os famintos que calcorreavam diariamente para a procura de alimentação.
....



0 comentários:

Enviar um comentário