terça-feira, 5 de julho de 2011

CABO-VERDIANOS DE ROTERDÃO COMEMORAM A SEGUNDA EDIÇÃO DA FESTA DA INDEPENDÊNCIA NACIONAL NA “PRACINHA QEBROD”



Os promotores contam oferecer ao público muita diversão e aventura, diferente daquilo que tem sido feito ao longo dos anos, ou seja, pretende reunir um público eclético, de diferentes núcleos da cidade de Roterdão, que terão uma grande oportunidade de conhecer de perto a realidade do seu país de origem e entender um pouco mais a importância da data. 

Roterdão, 5 de Julho - O dia 9 de Julho está à porta e os cabo-verdianos na Holanda já estão preparado para juntos comemorarem mais um aniversário da independência do seu país. Sob a iniciativa da Associação dos PALOP vai ser comemorado o trigéssimo sexto aniversário da independência de Cabo Verde, já na sua segunda edição que acontece na Junta de Freguesia de Delfshaven na Pracinha Quebrod, cidade de Roterdão. As condições de base estão já asseguradas para que este dia seja comemorado num ambiente de festa, harmonia e com esfuziante expectativa.
É chegado o momento de agradecer a todos os patrocinadores dentro e fora da Holanda que se prontificaram em apoiar esta iniciativa, o que muito nos honra.
É também ocasião para agradecer a todos aqueles que nos encorajaram directa ou indirectamente para que esta iniciativa fosse levada avante, manifestando de forma expressa o seu apoio moral que este tipo de eventos normalmente exige.
Não podemos, igualmente, deixar passar em branco, o estranho comportamento da actual administração da transportadora aérea cabo-verdiana, a TACV, que, pela segunda vez se distanciou deste evento cultural sem nunca ter reagido às nossas diversas solicitações de apoio. Um caso que segundo a direcção da AP, será oportunamente abordado, de novo, porquanto trata-se de uma situação de manifesto desinteresse, que no passado não costumava ser o timbre da administração da TACV e nem dos seus representantes locais. Finalmente, os promotores entendem, apesar de tudo, que o mais importante é juntar a comunidade cabo-verdiana no dia 9 de Julho a partir das nove de manhã até as 22h30, numa jornada de aproximação, de convívio, de comer e beber mas também uma oportunidade para ouvir, apreciar e sentir a chama da boa música da terra entre amigos, num ambiente de muitos criolos e não só, que aguardam que a Pracinha Quebrod venha a ser o epicentro de muita alegria e o local possa constituir, em definitivo, como mais um local a eleger na divulgação da nossa cultura pátria.
Com efeito, contamos com a honrosa presença da cantora Solange Cesarovna Rodrigues, que é cabeça-de-cartaz e que pela primeira vez vai actuar na cidade de Roterdão a convite da Associação dos PALOP, para além de músicos e artistas locais como o Américo Brito, Djuta Gomes, Dino Medina, Nany di Fogo, Luis Tavares, Babinho e a ainda com a participação especial de Breka di Djarforgo (violinista), que completam um menu recheado de muita diversão de qualidade. A orquestração estará a cargo de Jorge do Rosário com sua banda musical “Nostalgia”, sob a batuta do mestre Manuel di Candinho. O céu aberto da Pracinha Quebrode, Heemraadsplein, em Roterdão será certamente uma testemunha de um grande evento que todos aguardam com expectativa.
Com efeito, os promotores contam oferecer ao público muita diversão e aventura, diferente daquilo que tem sido feito ao longo dos anos, ou seja, pretende reunir um público eclético, de diferentes núcleos da cidade de Roterdão, que, terão uma grande oportunidade de conhecer de perto a realidade do seu país de origem e entender um pouco mais a importância da data que é a independência nacional. Por conseguinte, será um dia especial aberto a todos os cabo-verdianos e a outras nacionalidades, de todas as idades que aguardam este acontecimento com muita expectativa.
Radio voz de Cabo verde
Roterdão - Holanda
Fonte. Liberal

0 comentários:

Enviar um comentário